domingo, 13 de janeiro de 2008

Padre, me compra um pirulito?


No mundo celibatário da igreja, uma prática pútrida e imunda vem sendo amplamente explorada pelos párocos velhos e broxas: a pedofilia. Por terem vivido constantemente sob as amarras da castidade, sacerdotes esclerosados e possuídos pelo bode preto, buscam como forma de libertinagem o aliciamento indiscriminado de menores para satisfazerem seus corpos maculados. Recorrendo a púdicos jovens ainda no estágio pueril de sua existência, os diabólicos padres fazem coisas que até Deus duvida. De fato, o aliciamento de coroinhas é algo aviltante e escarnioso; entretanto os já depravados religiosos se valem de suas atitudes dóceis e suas vozes afeminadas para seduzir as criancinhas desavisadas, pouco se importando com os dogmas pudorentos de sua entidade e incitando jovens à pratica pecaminosa de atos mundanos.
Graças ao bom Deus, esses pervertidos nunca se encontraram com o menino Jesus!

2 comentários:

Caroline disse...

"Graças ao bom Deus, se esses pervertidos nunca se encontraram com o menino Jesus!"

Nesta frase vc quis dizer "que esses ...", né? Acho q ficaria uma frase mais engraçada, e salvaria seu texto todo.
Imagina se o filho legítimo de Deus na Terra sofre abuso?..

meuqueridodiario disse...

Comentário ridículo, o meu.

Arquivo do blog